• topo1
  • bootstrap slider
  • topo3
topo11 topo22 topo33
http://wowslider.com/ by WOWSlider.com v8.7

  Histórico
 

História de Campestre

A historiografia oficial data de 1.830 para fundação de Campestre. A fundação deste lugar é atribuída a dois irmãos: Francisco José e Manoel José Muniz, que aqui tinham as suas fazendas e que desejam criar um povoado junto delas. O primeiro construiu um cemitério, o segundo uma igreja que, Francisco Muniz também auxiliou; o leito da morte e a fonte a vida espiritual eram, no pensar dos dois irmãos, o começo de uma povoação, que não tardou a se desenvolver, à qual deram o preciso patrimônio, que era de 12 alqueires, havendo ainda grandes espaços para edificações.

No registro da Diocese de São Paulo, consta a provisão de fundação da Capela original que foi obtida por atendimento dos povos da “Boa Vista do Campestre”, Termo da Freguesia de Cabo Verde do Bispado de São Paulo.

Esta capela, que serviu de núcleo a formação do Arraial “O Campestre”, tendo a invocação de Nossa Senhora do Carmo, teve provisão de ereção em 04.04.1.832. Esta provisão foi concedida na cidade de São Paulo por Dom Manoel Joaquim Gonçalves de Andrade.

Em 1.835, os moradores do contorno da Capela do Campestre, existente dentro dos limites da Freguesia de Cabo Verde, através do procurador Manoel José Muniz, em um abaixo assinado pedem a “Regalia de uma Capela Curada e de um Capelão, revestido de toda Jurisdição Paroquial”. E no mesmo documento pedem também: “a benção do Adro da mencionada Capela para nela se sepultar os corpos dos fiéis defuntos”. Tais pedidos foram atendidos e dando à elevação Curato em 02.07.1835. O Curato de Campestre da Freguesia de Cabo Verde do município de Jacuí, foi elevado a distrito de paz pela lei provincial de nº 120, de 12 de março de 1.839. O Artigo I, parágrafo V da Lei nº 184, de 3 de abril de 1.840, elevou o Curato à categoria de Paróquia, passando a Freguesia, desmembrando-se de Cabo Verde. O Artigo II da Lei nº 452 de 20 de outubro de 1.849, incorporou à Paróquia do município de Caldas.

O território de Campestre foi incorporado ao município de Caldas pela Lei nº 558 de 11.10.1.851.

Sua emancipação política aconteceu em 30 de agosto de 1.911 sob a Lei nº 556, promulgada pelo governador do estado Cel. Júlio Bueno Brandão.

Campestre oficialmente já tinha este nome, no entanto, a Lei nº 843 de 7 de setembro de 1.923, determinou que o distrito de Nossa Senhora do Carmo de Campestre, passasse a denominar-se Campestre.

A sede do município de Campestre, até então com categoria de vila, foi elevada a cidade pela lei nº 893 de 10 de setembro de 1.925. Em publicações oficiais de 31 de dezembro de 1.936 e 31 de dezembro de 1.937, e de acordo ainda com o quadro anexo ao Decreto lei estadual nº 88, de 30 de março de 1.938, passou o termo de Campestre a pertencer à Comarca de Machado, situação essa que se manteve até ser elevado à comarca, por força do Artigo 25, do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias do Estado de Minas Gerais, de 14 de julho de 1.947, sendo a mesma instalada a 15 de novembro do ano seguinte. Finalmente, pela Lei nº 336 de 27 de novembro de 1.948, que estabeleceu novo quadro da divisão territorial do Estado, a vigorar no qüinqüênio 1.949-1.953, foi criado um novo distrito com sede em Bandeira, nome esse mudado para Bandeira do Sul, de acordo com a Lei nº 1.039, de 12 de dezembro de 1.953. O município passou a partir daquela data, a constituir-se de dois distritos: Campestre e Bandeira do Sul”.

Até 30 de Dezembro de 1.962, pela Lei nº 2.724 deu-se o desmembramento da Bandeira do Sul.

Em homenagem a Lei de 30 de agosto de 1.911, vem-se comemorando no dia 30 de agosto o aniversário da cidade de Campestre.

As principais correntes migratórias foram as datadas de 1.740 com a vinda dos primeiros portugueses e seus escravos; de 1.880, imigrantes europeus, principalmente italianos e portugueses; de 1.890, constituída pelos sírio-libaneses.
TEXTO DO LIVRO EXTRAÍDO DO LIVRO: Histórico de Campestre publicado pela Editora Edicon-1998.
AUTORIA: Profª Eneiva Glaucia de Souza Franco


 


 
Câmara Municipal de Campestre-MG

Rua: Ambrosina Ferreira, 136 - Centro - Campestre-MG - CEP: 37730-000
(35)3743-1910
camaracampestre@outcenter.com.br

Versão 3.0